Entenda como funciona o Marketing Imobiliário

Hoje, o mercado imobiliário se adaptou para atender de forma ainda mais efetiva o perfil do consumidor moderno, cujas decisões são fortemente orientadas por tendências tecnológicas que impulsionam a adoção de novas tecnologias – como o Marketing Imobiliário.

É fato que a venda de imóveis anda de mãos dadas com a divulgação. 

Portanto, criar estratégias de marketing não apenas ajuda a vender mais, mas também aumenta a credibilidade da imobiliária.

Quer saber como criar estratégias que realmente funcionam? Neste artigo, vamos destacar algumas dicas e explicar esse conceito, acompanhe!

Entenda o que é Marketing Imobiliário

O marketing imobiliário é uma indústria que tem como foco a conscientização do negócio, o fortalecimento de marcas e a construção de relacionamentos entre empresas imobiliárias e o público do setor. 

Estratégias e atividades podem promover objetivamente oportunidades imobiliárias e de negócios para atrair interessados ​​em comprar ou alugar.

Este trabalho inclui um conjunto de tarefas de marketing, todas naturalmente desenhadas e adaptadas ao setor imobiliário.

É importante ressaltar neste ponto que os clientes de cada empresa tem jornadas e necessidades específicas. 

Por isso, é preciso estruturar a trajetória do consumidor de acordo com o comportamento desse público, suas dores e desejos, os objetivos da marca e o perfil de compra como um todo.

Portanto, o marketing imobiliário oferece ao corretor de imóveis a oportunidade de conhecer melhor o público e, assim, definir as melhores estratégias para utilizar tanto no meio digital quanto no ambiente offline.

Quais são os benefícios do Marketing Imobiliário?

Quando se quer elevar as vendas de equipamentos contra incêndio, é evidente que aumentar a exposição deles nas mídias é o caminho.

Com o ramo dos imóveis é semelhante.

Vamos te mostrar os pontos positivos do marketing para aumentar as conversões neste modelo de negócios nos tópicos a seguir:

Qualificação de leads mais eficaz

Leads são potenciais compradores de imóveis que o departamento de marketing procura no mercado.

Uma das reclamações de vendas mais recorrentes é que os leads vêm com informações limitadas.

Portanto, esse setor precisa desenvolver atividades de conscientização e informação para criar a necessidade de compra no cliente potencial.

Trabalhando juntas, equipes de marketing e vendas podem planejar estratégias e analisar resultados para criar campanhas mais eficazes e nutrir um lead até que ele esteja pronto para comprar. Isso aumenta a taxa de conversão imobiliária.

Mais conhecimento sobre os clientes

Em um momento em que marketing e vendas trabalham separadamente, ambas equipes se tornam muito distantes de seu público-alvo, reduzindo o potencial de impacto. 

Se isso acontece com certa frequência, isso pode significar o comprometimento das estratégias e, a longo prazo, comprometer o sucesso do corretor ou imobiliária.

Isso porque, sem reconhecer as demandas, o tom de fala, necessidades e objetivos do público (parâmetros esses percebidos pelo marketing), a área de vendas pode não saber se comunicar ou abordar adequadamente os potenciais compradores de imóveis e os diferenciais dos espaços.

Já quando há o alinhamento entre as equipes, os corretores sabem exatamente o quê, quando e para quem falar, bem como quais perfis procurar, ainda que realizando uma busca sobre o serviço de remoção de pacientes, por exemplo, identificando as oportunidades para cada perfil de cliente ou evento.

Ainda com relação ao desalinhamento. O marketing também será afetado pelo afastamento dos vendedores e público.

Isso porque as equipes terão dificuldades com o desenvolvimento de campanhas se não souber quem segmentar e quais são as melhores táticas, bem como sem entender os feedbacks e ações que foram efetivas para os corretores.

Deste modo, ao aproximar esses dois setores, as informações são compartilhadas e todos sabem quem são os potenciais clientes imobiliários, quem contatar e como contatá-los.

Integração

O marketing imobiliário, por si só, já é bastante vantajoso ao conferir mais inteligência ao mercado imobiliário.

No entanto, para ampliar ainda mais os resultados, e fazer com que essa inteligência seja – de fato – estratégica e aperfeiçoada, o relacionamento com a equipe de vendas e outros parceiros importantes, como os responsáveis por avaliações ambientais, se mostra fundamental.

Quando duas equipes trabalham juntas, as informações são compartilhadas e utilizadas da melhor forma. 

Mais ainda, no caso do exemplo de parceiro, pode-se garantir ainda mais detalhes sobre os diferenciais do negócio e como abordá-lo junto ao público, como segurança ampliada para um cliente que busca um imóvel para morar com a família.

Esta é uma grande vantagem da integração do marketing para imobiliárias, visto que as informações de contato – por exemplo – podem ser atualizadas rapidamente e a equipe saberá as informações importantes para concluir a venda.

Deste modo, não se deve negligenciar a importância estratégica desse detalhe: a qualidade da comunicação interna e com parceiros determina grande parte do desempenho e posicionamento da imobiliária no mercado!

Mais conversões

De forma mais precisa, dando continuidade a integração entre as áreas de vendas e marketing, a inclusão do processo dá à imobiliária mais oportunidades de negócios.

Isso porque permite alcançar compradores qualificados e reduz o custo das campanhas, o que aumenta as vendas direcionadas e também a lucratividade. 

Então, essa prática é imprescindível no cenário atual. Mercados com competição crescente, principalmente de alto valor, precisam aproveitar as oportunidades do marketing segmentado para otimizar as vendas.

Por isso, vendas e marketing precisam um do outro para atingir seus objetivos em comum. É assim com a empresa de terceirização de serviços de limpeza, e é assim no setor de imóveis.

Afinal, essa aliança produz:

  • Leads mais qualificados;
  • Acesso mútuo a dados estratégicos;
  • Definição de metas coletivas;
  • Aumento do lucro.

Como a internet mudou o setor imobiliário?

Em um passado não tão distante, comprar ou alugar um imóvel era um objetivo que começava no escritório de uma imobiliária ou construtora.

Isso ainda é possível (e ainda é uma prática viva), mas é inegável como a Internet criou novas possibilidades no mercado, seja na compra/aluguel de um imóvel a partir de aplicativos ou na busca e contratação de serviço de cuidadora de idosos.

No mercado imobiliário, mais precisamente, existem várias plataformas que permitem pesquisar por imóveis de forma prática, conforme os interesses da pessoa interessada. 

Com isso, alguns lidam com todo o processo on-line, desde um tour guiado em vídeo até o envio e aprovação de documentos.

Outros preferem combinar as opções, deixando a plataforma online como um portfólio de serviços e o primeiro ponto de contato no processo de locação ou compra. 

Ao pesquisar para alugar ou comprar, as pessoas estão em um momento decisivo em suas vidas. 

Por isso, é fundamental considerar os meios online, como disponibilização de site, aplicativos e até mesmo perfis nas redes para se aproximar do público e aproveitar esse comportamento para qualificar e desenvolver ainda mais o negócio e a assertividade do marketing.

Agora, mais do que nunca, o cliente em potencial precisa confiar e se relacionar com as marcas para se sentir seguro e continuar adquirindo. Ou seja, a falta de disponibilidade nesses canais pode afetar o desempenho dos negócios.

Conheça 6 estratégias de sucesso no Marketing Imobiliário

Agora chegamos à parte mais importante desse material: as principais estratégias de Marketing Imobiliário para você apostar!

Características do site, plataformas de atendimento, tipo de conteúdo produzido… Todos esses aspectos são muito importantes no relacionamento com o potencial cliente e serão detalhados a seguir.

  1. Tenha um site acima da média

A primeira etapa é preparar seu site para converter visitantes em leads, ou clientes em potencial, e depois converter esses leads em clientes efetivos.

Por isso, é importante que o site tenha uma navegação simples e objetiva, além de ser adaptável a diferentes tamanhos de tela para proporcionar uma boa experiência do usuário em dispositivos móveis. 

O site é o canal exclusivo para se comunicar com seu público e ajudá-lo a ver o valor de seus serviços, e você tem total controle sobre a mensagem que transmite.

É importante lembrar neste ponto que o site além de funcional e bonito, deve se adequar ao segmento de atuação. 

Afinal, assim como as cores e imagens de uma página de serviço de acompanhamento hospitalar devem transmitir segurança, confiança e tranquilidade, os canais de comunicação de uma imobiliária ou corretor precisa reforçar seus valores e se adequar ao público-alvo para ser efetiva na atração e conversão de clientes.

  1. Esteja nas mídias sociais

Existe uma grande distância entre “estar presente” e “marcar presença”, e as marcas que querem alcançar resultados reais através das redes sociais devem pertencer ao segundo grupo.

Você pode fazer isso compartilhando o conteúdo que você cria em seu blog, além de criar materiais específicos para cada rede que utilizar.

Para ter sucesso nas mídias sociais, lembre-se de não falar apenas sobre o preço dos imóveis ou sobre as condições financeiras.

Em vez disso, descubra em quais tópicos seu público está mais interessado – enfermagem home care, produção de energia sustentável ou jardins verticais – e crie conversas sobre eles.

  1. Responda o mais rápido possível

Muitas vezes o público tem pressa para negociar. Para muitos, uma oportunidade única de adquirir a casa dos sonhos está bem na sua frente, e perdê-la pode ser muito frustrante.

Portanto, sua empresa deve se concentrar em responder todas as perguntas o mais rápido possível. Mais importante ainda, não deve se limitar a quem ainda procura imóveis.

As pessoas que já estão em processo de documentação, além dos proprietários que acabaram de adquirir o imóvel, também possuem dúvidas e problemas que precisam de ajuda urgente.

Esteja ativo para sanar qualquer dúvida que esses clientes em potencial e efetivos possam ter. Afinal, saber tratar cada cliente conforme as necessidades dele faz parte do marketing digital para o setor imobiliário e ajuda a promover a marca junto a novos leads.

  1. Use segmentação por geolocalização

Se você postar apenas imagens ou campanhas imobiliárias no Facebook, pode estar perdendo tempo e oportunidades.

Isso porque, com a ajuda da publicidade geolocalizada, esta e muitas outras redes sociais podem direcionar a sua mensagem a diversas pessoas de forma estratégica e segmentada, sem que precisem seguir o seu perfil.

Para que sejam atingidos, basta estar em determinadas regiões e/ou procurar habitação em uma área que você sinalizou na ferramenta.

Com isso, você não precisa se limitar apenas aos seus seguidores, o que aumenta suas opções de vendas.

  1. Use imagens e vídeos

Imagens e vídeos de alta qualidade são uma tendência – e fundamentais – no marketing imobiliário. Isso porque estes formatos têm alto engajamento e podem gerar vendas.  

Para você ter uma ideia, os elementos usados ​​em imagens e vídeos criam conexões emocionais que afetam a percepção da sua mensagem, seja sobre atividades com poder de comoção – como cuidador de idosos Manaus – ou mesmo sobre os sonhos de adquirir um imóvel.

Para provar isso, observe como a maioria dos anúncios usa essa linguagem em sua composição.

Além disso, as imagens possibilitam que os interessados visualizem os imóveis à disposição, ou mesmo se conectem com as campanhas ao se imaginar nos ambientes divulgados.

É por isso que imagens e vídeos devem estar presentes em todo o processo de compra – desde a pesquisa com o cliente até a compra. 

  1. Invista em realidade virtual

A realidade virtual é uma tendência amplamente utilizada para facilitar a visualização dos espaços, sem que visitas presenciais sejam necessárias – pelo menos inicialmente.

Ou seja, tecnologia que permite apresentar diversos imóveis em minutos, economizando tempo para você e seu cliente. Isso é bastante vantajoso quando o cliente ainda está compreendendo o que deseja e está interessado em buscar diferentes imóveis.

Dito isso, é importante ressaltar que essa tecnologia evoluiu muito nos últimos anos e, consequentemente, o que antes acreditava-se ser muito caro, hoje pode ser uma realidade e diferencial para seu negócio.

Assim, sua imobiliária pode criar diversos modelos de layouts, áreas de lazer e outras funções que se conectam e agregam valor ao espaço e ao cliente.

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Consultoria gratuita!

Posts Recentes

Entenda a importância da mídia programática na era digital

Na era digital em constante evolução, a mídia programática emergiu como uma...

Ler mais25 de setembro de 2023

Auditoria de Vendas: saiba como impulsionar sua estratégia

Uma auditoria de vendas é uma análise detalhada dos processos e resultados...

Ler mais25 de setembro de 2023

Dados qualitativos x quantitativos: entenda a diferença

Em um mundo movido por informações, compreender a diferença entre dados qualitativos...

Ler mais25 de setembro de 2023

Nos acompanhe nas redes sociais:

Leia também ...

Clique no botão e cadastre-se em nossa Newsletter

Cadastre-se em nossa Newsletter

© Copyright Idea Of Now. Todos os direitos reservados.

CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Basta preencher as informações abaixo:

Como deseja receber seu conteúdo?